Notícias>
Publicado em 16/07/2010

A.Yoshii aposta no treinamento e inova com mulheres

Giovanne Aparecido Ferreira

Giovanne Aparecido Ferreira
Atenção ao funcionário e estimulo à qualificação diferenciam gerenciamento da construtora Nos últimos 12 meses, o aumento no número de funcionários nas obras de incorporação da A.Yoshii foi de 54%, passando de 702 para 1.078 funcionários.

Treinamento da equipe, contratação de mulheres, estímulo à vinda de mão de obra de outros estados e o incentivo aos ganhos pela produtividade, garantem à empresa sucesso frente à formação e manutenção de uma equipe própria que assegure a qualidade das construções.

Em 45 anos, além das várias obras de incorporação no mercado de Londrina, a A.Yoshii já construiu mais de dois milhões de metros quadrados em várias regiões brasileiras em edificações como indústrias, escolas, universidades, teatros, hospitais, usinas e segmentos de varejo e tecnologia.

A retenção de funcionários se espelha no histórico de credibilidade construído entre os trabalhadores do setor. ?Os profissionais reconhecem a seriedade e o respeito ao trabalhador. Realizamos treinamentos periódicos e investimentos na qualificação profissional e pessoal por meio do incentivo à educação continuada.

Desta forma, conseguimos ter estabilidade mesmo em momentos de forte demanda por mão de obra?, afirma o diretor de Recursos Humanos, Aparecido Siqueira. Domingos Grassi Neto está na A.Yoshii desde 1982. "Cheguei aqui antes de completar 18 anos e não saí mais. É um lugar muito bom para se trabalhar. Conhecemos as pessoas, somos muito bem tratados, temos incentivo, treinamento e oportunidade de crescer. Entre tudo, o que mais conta mesmo é o respeito ao funcionário", destaca.

Há 15 anos na empresa, Marildo Emidio da Silva também enfatiza a proximidade entre colegas e diretores. "A construtora se interessa pelo funcionário e o auxilia em momentos de dificuldade?. Como incentivo, a A.Yoshii aposta em um programa de estímulo por meio de benefícios pautados pela produtividade. ?A aposta na equipe própria faz com que os funcionários percebam a continuidade de trabalho que, associada à seriedade da empresa, estimula maior vínculo do trabalhador', avalia Siqueira.

Periodicamente, a construtora investe na promoção de cursos para qualificação de mão de obra, inclusive de mão de obra feminina e já contratou 18 mulheres para atuarem em áreas de segurança do trabalho, rejuntamento de azulejos e limpeza. Rosane Aparecida da Silva está entre o grupo de mulheres que trabalha em duplas com homens na tarefa de rejunte de azulejos. "Sempre gostei de ajudar meu marido a levantar muros, por exemplo. Na A.Yoshii realizei o meu sonho. O trabalho é uma terapia e a empresa é ótima porque faz a gente se sentir gente. O que aprendo aqui levo para minha casa como o controle de qualidade. Em casa não tenho mais louça espalhada na pia", afirma. Simone Gomes foi a primeira técnica de segurança da A.Yoshii, contratada há quase dois anos. "Não tenho problemas em ser respeitada pelos homens. Falo com jeito para garantir que todos se previnam de perigos e estejam sempre protegidos. A tendência é a vinda da mão de obra feminina também para a construção civil e os homens precisam aprender a trabalhar em parceria. A A.Yoshii dá oportunidade de crescimento e somos todos muito bem acolhidos. Gosto do que faço e se depender de mim, permaneço aqui aprimorando meus conhecimentos", enfatiza.

Alojamento Para novas contratações, a A.Yoshii utiliza também o cadastro de ex-funcionários de obras em outras regiões do país, dispondo de um alojamento para que possam trabalhar fora de casa durante a execução dos empreendimentos. São 126 pessoas alojadas atualmente. Aparecido Miranda veio de Teodoro Sampaio/SP para trabalhar nas obras da A.Yoshii e está hospedado no alojamento do Residencial Brisas Igapó que conta com mais 46 funcionários de fora. "Lidero um grupo que é formado por profissionais vindos de São Paulo, Minas Gerais e Goiás. Aqui eles encontram uma boa estrutura e estímulo para produzirem, além da oportunidade de crescerem", salienta. A empresa também aposta em um novo projeto de recrutamento que prevê a contratação de filhos, parentes e amigos dos funcionários. Giovanne Aparecido Ferreira, 20 anos, é filho de um antigo funcionário da A.Yoshii e contou com a indicação do pai. "Cresci ouvindo falar da A.Yoshii e sempre dizia que um dia iria trabalhar aqui. Vim para cuidar do almoxarifado e pretendo começar uma faculdade na área de administração assim que terminar o ensino médio", disse.

Willian Gabriel Machado, com 16 anos, entrou na empresa como menor aprendiz e também é filho de funcionário da construtora. "Estou tendo a oportunidade de adquirir experiências e já compreender a responsabilidade de trabalhar em equipe. Esta oportunidade que a A.Yoshii dá aos funcionários é muito válida porque possibilita aos pais ampliarem a educação com a prática de uma profissão. Com a política da educação continuada, o mestre de obras Andre Luiz Villarinho Raña teve a oportunidade de entrar para a faculdade de Engenharia com o apoio da empresa. A A.Yoshii é muito bem vista no mercado e é difícil quem não queira trabalhar aqui. Os funcionários querem ser associados a obras bem feitas. Mas o que mais chama a atenção é o relacionamento com os colaboradores. Todos são atendidos e a empresa sempre ouve as solicitações e apresenta uma solução. Temos acesso aos diretores e oportunidades de crescimento, principalmente com o estímulo à educação. Aqui estou tranqüilo e é aqui que quero ficar".
Acompanhe as notícias e fique por dentro dos acontecimentos da A.Yoshii.
Sede A. Yoshii - 43 3371-1000 AYA.Yoshii Engenharia
Av. Maringá, 1050 - Centro
CEP 86060-000 - Londrina - PR
Desenvolvedor Sub100A.Yoshii Engenharia © 2011. Todos os direitos reservados.